"As obras de Suas mãos são verdade e justiça; Imutáveis os Seus preceitos; Irrevogáveis pelos séculos eternos; Instituídos com justiça e eqüidade." - Salmo 110, 7-8

terça-feira, 15 de junho de 2010

Sobre a audácia dos hereges


Vamos ler o que São Bernardo pensa deles?
Se preparem! Lá vai:


"Desordenado, vagabundo, impostor, vaso de ignomínia..., visto com horror em Roma..., desdenhado pelo Romano Pontífice, louvado pelo diabo, obreiro de iniqüidades, devorador do povo, boca cheia de maldição, semeador de discórdias, fabricador de cismas, lobo feroz".


E ao anônimo que ainda estou decidindo se posto seus comentários, e os que acham que caridade é somente ser bonzinho e dizer amém à tudo (inclusive para as heresias de quem deveria nos apascentar), deixei um recado no nesse post do Sucessão. Favor conferir lá.

7 comentários:

Ana Maria Nunes disse...

Precisdamos juntar todas essas frases e ter um marcador nos blogues sempre a mão, Sara.

Muito Obrigada, Deus lhe pague.

Anônimo disse...

Parabéns Sara.

Que a Virgem lhe abençoe por estas denúncias.

Sara Rozante disse...

Cara Ana, não me agradeça. Sua luta (que também é minha e de muitos católicos inconformados com a palhaçada que é a Igreja aqui no Brasil) há de ser recompensada!

Anônimo (abri-lhe uma exceção, mas peço que da próxima vez coloque nem que seja o primeiro nome no comentário),

Fico-lhe grata. Deus o abençõe!

Ad Jesum per Mariam,
Sara Rozante

Anônimo disse...

Que coisa mais horrivel este blog! E ainda pensam que estão defendendo a Deus! Como se ele precisasse de defesa! E o pior ainda é que o blog é censurado, pois todos os comentários devem ser aprovados pelo autor. Dois pesos e duas medidas... faça o que eu digo, mas não faça o que faço!
Parece que se esqueram do seu telhado de vidro...

JP disse...

Percebo que vocês estão perdendo a linguagem da interioridade, e isto muito triste.

A linguagem coloquial entre vocês e o Céu é uma aventura interna muito rica, que não pode ser abandonada.

Quando vocês crescem na interioridade, o mundo e o universo deixam de ser limitados pela razão, porque o espírito alça vôo ao infinito, numa busca obstinada a Deus.

É, portanto, minha tarefa transmitir essa busca por meio da interioridade, amparada na fé de que Deus quer falar ao coração de todos vocês.

Sabemos que muitos Padres Precisam ser corrigidos. Não é novidade. Agora o vocabulário de vocês usam tem enfatizado mais do que o fato em si. Isso tem gerado sentimentos de que o mais importante é eliminar como se a Igreja fosse um big brother. Leio e concordo com os fatos mas nesta hora, precisamos nos unir sem desgraçar os outros!

Sara Rozante disse...

Ao anônimo (outra exceção, que não terá seus comentários posteriores aceitos, se não estiver devidamente identificado):

"Que coisa mais horrivel este blog!"

Já começou com simpatia e com um argumento incrível, hein!

"E ainda pensam que estão defendendo a Deus! Como se ele precisasse de defesa!"

Deus precisa que nós defendemos Sua Palavra, e para isso mandou pregarmos o evangelho.

"E o pior ainda é que o blog é censurado, pois todos os comentários devem ser aprovados pelo autor."

Meu blog não é lixeira (para bom entendedor, essa frase basta).

"Dois pesos e duas medidas... faça o que eu digo, mas não faça o que faço"

Calúnias. Sempre elas.
Meu blog está aberto ao debate honesto. Até agora quem não fez isso foram os hereges (que apagaram suas postagens) e você.

Sugiro que faça como eu: sigo o Santo Padre. Leia, assista e ouça suas palavras.
Assim você não cai em heresias.

Ad Jesum per Mariam,
Sara Rozante

Sara Rozante disse...

Ao JP:

Por favor, me poupe desse discurso sentimental.
Se não repreendermos as coisas erradas de modo enérgico, nada melhorará. E cá para nós, isso é uma verdade incontestável.

Ad Jesum per Mariam,
Sara Rozante

A autora

Minha foto
Filha da Santa Igreja Católica Apostólica Romana.